16.3.15

Precipitada

Toda a gente que me conhece minimamente bem e que convive comigo no dia a dia sabe que sou bastante precipitada no que toca a fazer algo. Por exemplo, nas aulas de condução, onde temos de contornar o passeio, tenho de me controlar e muito para não fazer aquilo a correr pois aquela manobra requer calma e concentração e fazê-la com pressa leva à imperfeição. Pois bem, a precipitação é algo que estou a tentar corrigir ao longo do tempo, mas sabem, às vezes é mais forte que eu.

[2ª pista da rubrica Conclusões a que chego, aqui. Olhem para o pormenores e mais não digo!]

16 comentários:

  1. Eu sou precipitada nalgumas coisas, noutras sou bastante calma xD

    ResponderExcluir
  2. Eu por acaso não sou assim muito precipitada. (:

    ResponderExcluir
  3. Também sou um pouco assim e tenho tentado controlar isso ao máximo. Pois acabo por ficar irritada e acabo também por irritar as outras pessoas. :/

    ResponderExcluir
  4. Ahahaha, tão croma! Calma e paciência... E que corra tudo bem dia 27!

    ResponderExcluir
  5. Para contornar o passeio também o fazia com grande precipitação. Deixava o carro ganhar velocidade, o que dificultava as coisas. No entanto, no dia do exame, a dita manobra correu bem.
    Pelos vistos o teu exame será no dia 27, por isso, boa sorte :)

    ResponderExcluir
  6. Ser paciente requer muito auto-controlo ;) pelo menos falo por mim que também sou muito como tu. Reajo muito impulsivamente a tudo eheh

    ResponderExcluir
  7. Eu também sou assim. Mas, tal como tu, estou a melhorar aos poucos :) Eu gosto de fazer tudo muito rápido e de despachar as coisas

    ResponderExcluir
  8. A pressa é inimiga da perfeição. :)

    ResponderExcluir
  9. Com o tempo, se te fores treinando vais acabar por conseguir contornar isso :)

    ResponderExcluir
  10. Sou o oposto, penso muito nas coisas e nas consequências dos meus atos!

    ResponderExcluir
  11. Eras capaz de te apaixonar pelo Jota?

    ResponderExcluir
  12. Adoro-te Olívia és das minhas blogers preferidas, espero que não leves a minha pergunta anterior a mal. Só que em tempo, quando fazia parte da blogo, tive um amigo virtual, e houve momentos em que me perguntei se estaria a apaixonar-me por ele. Eu sei que não há duas relações iguais, mas vocês parecem dar-se tão bem que não consigui evitar. Se te sentires ofendida não respondas, não quero arranjar-te problemas.
    Gosto muito de ti Olívia,
    Beijinhos
    K

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anónimo,

      Claro que é normal sentirmos algo por pessoas que nunca vimos que estão do outro lado do ecrã e que nos compreendem totalmente e às vezes pensamos "Porquê que ele não está aqui?". E como tu disseste, não há relações iguais, e a minha relação com o Jota é uma relação de amizade apenas, pois, sinceramente ele é como um irmão que nunca tive, ainda que à distância de um email ou do chat do Facebook.
      Se sentes esse tipo de sentimento pelo teu amigo virtual, porque não marcam um encontro? Eu sei que às vezes é complicado por causa da distância, mas não é impossível. Go for it, girl! Não tenhas medo. Arrisca!
      Espero ter-te ajudado! E aparece mais vezes está bem?
      Beijinhos e fica bem <3

      P.S. Obrigada por todos os elogios darling! Não sei quem és, mas espero que voltes para a blogo! Pensa nisso.

      Excluir
    2. Talvez faça isso :)
      Anyway obrigada pelo conselho
      Kiss Kiss

      Excluir
  13. Eu sou tão assim! Mas no meu caso acho que é mais por distração!

    ResponderExcluir